FÁBRICA DE PIOS MAURÍLIO COELHO

Única na América Latina especializada na fabricação de pios de aves, a Fábrica de Pios Maurílio Coelho foi fundada em 1903 por Maurílio Coelho, na cidade de Cachoeiro de Itapemirim, no Espírito Santo.

Filho de lavradores, nascido na cidade de Muqui, interior do estado, Maurílio deixou o campo para trabalhar no Serviço de Abastecimento de Água e Energia, na Ilha da Luz, em Cachoeiro de Itapemirim.

Através de contatos anteriores com índios, caçadores e mateiros ficou conhecendo alguns tipos de pios, daí surgiu a ideia de montar um pequeno torno para iniciar seus experimentos.

Seu objetivo era o de substituir os pios já existentes de bambu e taquara, cujo som era pouco eficaz para atrair os pássaros. Realizou exaustivos testes e pesquisas, visitando as matas de diversas regiões do Brasil, para alcançar a fidelidade de som ideal para cada pio.

Tal dedicação tornou o seu nome sinônimo de qualidade e perfeição, recebendo por mérito o “Grande Prêmio na Exposição do Centenário da Independência do Brasil”.

O interesse pelo produto foi aumentando e tornou-se necessário ensinar a difícil tarefa aos filhos. O trabalho continuou sendo feito com o mesmo esmero, artesanalmente, e ainda hoje é arte à prova de testes.

Até a década de 60, os pios eram utilizados somente para a caça, pois até então ainda não se ouvia falar em ecologia. Mas devido a devastação de matas em todo o mundo, o homem começou a pensar na preservação de espécies, antes que as proporções das devastações não se tornassem alarmantes. Hoje já existe uma conscientização das pessoas de que cada um tem sua cota de responsabilidade na preservação do meio ambiente.

Desde 1972, são exportados para diversos países, como Estados Unidos, Japão, Alemanha, Dinamarca, Coréia, entre outros.

Preservar a memória viva de nossa fauna e continuar mantendo a arte de fabricar pios é o que se pretende. Assim, filhos, netos e bisnetos de Maurílio Coelho, continuam acalentando um sonho há muito iniciado, e ao que tudo indica, vai ser perpetuado por seus descendentes. O sonho de integrar o homem ao meio ambiente, participando ativamente da sua preservação.

Fonte: https://www.piocoelho.com.br/pagina/historico.html

 

FABRICAÇÃO

1ª Etapa:

A madeira bruta é serrada e em seguida são feitos os cortes e furos de acordo com os diâmetros externos e internos de cada pio. A precisão das partes internas (corredores de ar) são de fundamental importância para atingir o som ideal. Nesta etapa, a madeira é preparada para ser acoplada ao torno

 

2ª etapa:

As partes dos pios são adaptadas em tornos com RPM ideal e, através de rústicas ferramentas (formões e paquímetros) confeccionadas na própria fábrica, inicia-se o desbaste e as medições da madeira, dando o design externo ao pio. Esta etapa não tem importância na afinação, entretanto é fundamental no caráter estético.

 

3ª etapa:

Considerada a mais importante e minuciosa, esta etapa é responsável pela qualidade do som; feita de forma individual e totalmente manual, com utilização de ferramentas extra afiadas, o que requer do artesão maior atenção possível, pois qualquer desbaste a mais pode acarretar a perda da peça. Alguns pios possuem trinadores, que quebram o som em forma de trinados e originam-se da polpa de galhos de alguns vegetais, pois esse material é constituído de fibras ultraleves e porosas, representando grande importância na suavidade do sopro.

 

4ª etapa:

Todos os pios possuem no mínimo duas partes: boquilha e corpo, e outros possuem até sete partes: boquilha, eixos, polias, correias, palhetas, buchas, trinadores. Essas partes depois de serem devidamente lixadas e lustradas com o próprio serralho resultante do desbaste, serão encaixadas , coladas, e posteriormente recebem camadas de selador (nivelador de reentrâncias e calafetador de possíveis vazamentos) nas emendas das partes que compõem o pio. Após esses processos, serão envernizados em câmaras especiais.

Fonte: https://www.piocoelho.com.br/pagina/historico.html

Sandra Santos

O site girocapixaba.com é a concretização de um sonho, onde o foco é o turismo do estado do Espírito Santo. Não me canso de dizer: "O Estado do Espírito Santo é Lindo!"

Website: http://sandrasantos.net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *